sábado, 30 de setembro de 2017

Intensa, inteira e indivisível

Para ser grande, sê inteiro; nada teu exagera ou exclui; sê todo em cada coisa; põe quanto és no mínimo que fazes; assim em cada lago, a lua toda brilha porque alta vive.
Fernando Pessoa

Estou doando tudo. Não quero me economizar para você.
Quero ser intensa, indivisível e inteira. Dar tanto e muito, e me preencher cada vez mais, a cada vez que a doação se faz.
As palavras chaves são tantas: Tempo e disposição; demonstração de carinho, de afeto; corpo, coração e espírito; boi, águia e leão; paciência na distância; intensidade na presença.
Não vou exigir eternidade, mas vou exigir qualidade no quanto durar. Há de ser uma grande história de amor. Porque é assim que pretendo lembrar.
Então não vou ficar de braços cruzados aguardando a vida nos apresentar as oportunidades. Vamos criá-las e aproveitá-las.
Não quero me economizar para mim. Quero me consumir em chamas, quero ter prazer em falar, em rir, em contar meu dia, em chorar minhas mágoas. Quero mais que companhia, quero companheiro.
Quero alegria, até na tristeza de um fato da vida, quero a alegria de dividir.
Quero somar experiências e ter com quem aprender. Mas quero incentivo para ensinar, porque assim correrei atrás da evolução necessária.
Quero tanto e não me conformo com menos, porque sei que tudo conspira. Basta apenas acreditar.